0 C
Franca, BR
março 1, 2021
Agricultura Agroindustria Gestão Rural

Café arábica passa a cair nesta tarde de quinta-feira, na Bolsa de Nova York e estende perdas

As cotações futuras do café arábica operam com leves baixas nesta tarde de quinta-feira (17), na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado chegou a avançar no início do trabalho em ajustes, mas voltou a cair estendendo as perdas da véspera.

Por volta das 11h50, os lotes com vencimento para dezembro/19 caíam 25 pontos, cotados a 93,30 cents/lbp e o março/20 perdiam 25 pontos, a 96,80 cents/lbp. O contrato maio/20 era negociado a 99,05 cents/lbp com queda de 30 pontos.

Depois de registrar leves altas no início dos trabalhos desta quinta-feira em movimento de ajustes e com suporte do câmbio, os futuros no terminal externo voltaram a recuar, estendendo as perdas da véspera diante da oferta global.

Na véspera, o site internacional Barchart destacou que os suprimentos de café estão altos, o que provoca movimentações no mercado. A Associação de Café Verde dos EUA informou na terça-feira que os estoques de café verde no país subiram 14% de um ano para o outro, a 7,352 milhões de sacas.

Jack Scoville, vice-presidente da Price Futures Group, também destaca que operadores estão de olho nas condições do tempo no Brasil. “O clima no Brasil melhorou e essa foi a principal razão para as negociações vistas nos mercados na semana passada”, disse.

Nas últimas semanas, floradas foram registradas no cinturão brasileiro. Alysson Fagundes, engenheiro agrônomo da Fundação Procafé, destaca que apesar de generalizadas, as floradas apresentam irregularidade.

 

 

Related posts

Mulheres do agro querem participação mais ativa nos negócios: dados das mulheres da gestão, desafios e oportunidades

Fabrício Guimarães

Alunos da EPEC Prof. Carmelino Correia Junior de Franca – SP, conquistam medalhanas na 8ª OBAP

Fabrício Guimarães

Análise foliar de cafeeiros deve observar época correta

Fabrício Guimarães

Deixe um comentário